Breaking news

Município de Nova Olinda integra 31ª ZE e juiz eleitoral realiza audiência pública

m

Município de Nova Olinda integra 31ª ZE e juiz eleitoral realiza audiência pública

Conhecer a realidade local de Nova Olinda, detectar carências e necessidades, essas foram as primeiras medidas tomadas pelo juiz eleitoral Rosemilton Alves de Oliveira, após o município passar a integrar a 31ª Zona Eleitoral com sede em Arapoema.  Nova Olinda fazia parte da 34ª ZE de Araguína, a mudança ocorreu após o rezoneamento realizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), promovendo a extinção de zonas e o remanejamento de municípios em todo o país.

Para receber o novo integrante da 31ª ZE, o magistrado realizou Audiência Pública no dia 22 de fevereiro, reunindo na Câmara Municipal de Nova Olinda vereadores, secretários municipais, representantes de partidos. “O eleitor de Nova Olinda não terá qualquer prejuízo com o rezoaneamento, a Zona Eleitoral de Arapoema dará o mesmo atendimento prestado pela 34ª ZE de Araguaína. Trabalhamos de forma transparente, simples, prática, objetiva, segura e democrática”, afirmou o magistrado aos presentes.

O município de Nova Olinda possui 7.176 eleitores, contando com sete locais de votação, um total de 30 seções. Durante sua visita a localidade o juiz Rosemilton Alves de Oliveira ainda fez questão de conhecer a estrutura dos locais de votação, visitando escolas nas zonas urbana e rural. Pensando na comodidade dos eleitores após a visitação o magistrado decidiu criar dois novos locais de votação, o CEMEI Antônio Filemon Gomes (zona urbana), com nove salas disponíveis se necessário, e Escola Antônio Pereira dos Santos, localizada na Agrovila Alto Bonito (Agrovila Pequi), distante 20km da sede do município.

“Estamos priorizando o bem estar do eleitor e o cumprimento das leis, buscando a instalação de locais de votação em todos os núcleos populacionais, de modo a dispensar a necessidade do oferecimento de transporte e alimentação para eleitores, o que já vigora nos demais municípios da 31ª ZE”, esclareceu o juiz eleitoral.

Durante o trabalho acompanharam o juiz o oficial de justiça Paulo Ernane Taveira, e a servidora requisitada Joselaide dos Reis Alves Matos. O resultado do trabalho junto ao eleitorado de Nova Olinda foi apresentado para o TRE-TO durante reunião com o diretor geral José Machado dos Santos e os secretários de Gestão de Pessoas Cristiane Boechat, Judiciária Regina Reis e Administração Teodomiro Amorim.

 

Atendimento itinerante    

Para garantir atendimento a todos os eleitores da cidade estão sendo realizados atendimentos itinerantes em Nova Olinda. No último fim de semana, dias 10 e 11, atuou na Escola Municipal Antônio Pereira dos Santos, na Agrovila Alto Bonito, atendendo mais de 220 eleitores da localidade. Já durante toda esta semana (12 a 16/3) os eleitores da zona urbana podem buscar os serviços da Justiça Eleitoral das 8h às 18h, na Câmara Municipal. O juiz eleitoral reforça que todos os eleitores de Nova Olinda devem comparecer para buscarem o novo título de eleitor, com as alterações provenientes do rezoneamento eleitoral.

 

Kézia Reis – Jornalista