Breaking news

Kajuru e Kátia Abreu protagonizam discussões no Senado

Kajuru e Kátia Abreu protagonizam discussões no Senado

Senadores brigaram pelo voto aberto e para que Davi Alcolumbre, que compõe Mesa Diretora como presidente, se retirasse de lá por ser candidato

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

No primeiro dia da legislatura do Senado, em Brasília, e às vésperas da votação para Mesa Diretora da Casa, o senador Jorge Kajuru (PSB) e a senadora Kátia Abreu (PDT), do Tocantins, protagonizaram discussões fervorosas no plenário.

Kajuru, que defendeu o voto aberto, disse que espaço se tornou um “hospício” e concordou com a sugestão de outro parlamentar em adiar a votação para a próxima segunda-feira, 4. “Tem toda a razão o senador Jaime, não vamos continuar com esse espetáculo. Temos que ter bom senso. É momento de ir pra casa, pensar, temos que ouvir nossas consciências porque é uma mancha irreparável nesse primeiro dia de legislatura. Que a gente se recupere, porque, pra mim, é um dia totalmente perdido”, disse.

Antes disso, Kátia Abreu se prostrou ao lado de Davi Alcolumbre que é candidato a presidente, mas presidia a mesa durante a sessão, e disse que não aceita a votação sobre a questão de ordem também em defesa do voto aberto. “O senhor é candidato e não pode fazer isso”, declarou tomando a pasta de Alcolumbre.

No final, os senadores decidiram, com 50 votos a favor, que a eleição dos membros da Mesa Diretora será feita em votação aberta.  Dois votaram contra.