MANDATO DEPUTADO FEDERAL CÉLIO MOURA APRESENTA LIVE DA LEI ALDIR BLANC COM ARTISTAS E JORNALISTAS DO TOCANTINS NESTA TERÇA, 29, ÁS 19H

A importância da live Lei Aldir Blanc  com o deputado federal Célio Moura, jornalista e artistas tocantinenses.

 

Por Nilo Alves
AGÊNCIA JORNAL

Tempo é o nosso bem mais escasso e mais democrático. Todo mundo tem as mesmas horas no dia. E é por essa razão que as nossas lives são tão poderosas aqui noTocantins e mundo afora.

Porque quando estou assistindo a sua live, eu estou ali contigo, ao mesmo tempo, compartilhando os mesmos minutos da nossa vida. Se você está cantando e se emociona, eu vou junto… Se você está explicando algo e a câmera cai, eu caio junto também. Se te dá uma crise de riso ou de soluço no meio da live, eu estou ali contigo, ao vivo, presente. Mas eu na minha casa e você na sua.

E são por essas e outras que estamos aqui mais uma vez lhes convidando para essa nova Live com o deputado Célio Moura, renomados jornalistas Cleber Toledo e Helder Peixoto. Nada melhor do que interagir com os nossos convidados  artistas Junior Sete Cordas, Carlos de Bayma,  Núbia Dourado e Carlinhos Matos que estarão conosco esse grande encontro.

Cantora e compositora Núbia Dourado tem
uma grande potencialidade musical e se destaca
pela brasilidade pop que consegue expressar.
O enredo do CD vai desde o Soul,R&B, Pop com
pitadas de influências da música regional do Tocantins.

 

Júnior sete Cordas  é considerado uma das
grandes revelações do violão de sete cordas
como instrumentista e compositor.

 

Jornalista há 26 anos, Cleber Toledo é formado
em Comunicação Social – Habilitação Jornalismo
pela Universidade do Oeste Paulista (Unoeste),
de Presidente Prudente (SP), e já atuou em jornais
do Paraná, São Paulo e Tocantins, exercendo
as principais funções de redação, da pauta à edição.

Eu, Helder Peixoto, sou um jornalista e publicitário nascido em Fortaleza, capital do Ceará. Virei cidadão do mundo, pondo os pés nas mais distintas terras destas terras brazilis, além de terras além fronteiras. Depois de intensa jornada, finalmente me transformei em tocantinense, com muito orgulho. Vim para o Estado, mesmo antes dele ser criado, em 1987. Cheguei em Araguaína em fevereiro daquele ano. Logo depois que pousei naquela querida cidade, passei a fazer parte da luta pró-criação do Estado do Tocantins, coloquei no ar o primeiro telejornal genuinamente tocantinense, o TELEJORNAL 7, da TV Araguaína – Canal 7 (afiliada do SBT), onde também criei e ancorei o programa O POVO NA TV, copiado até hoje (sem aquela originalidade, é claro) em todo o Tocantins, inclusive na própria rede de emissoras do Sistema Boa Sorte de Rádio e TV. Em janeiro de 1994 mudei de mala e cuia para Palmas, onde vivo até hoje e pretendo viver muitos anos mais, com certeza.

Carlinhos      Matos é um  percussionista
que rodou mundo tocando no maranhão, Europa,
nordeste brasileiro   e mora no Tocantins.

 

Carlos de Bayma é músico com várias músicas gravadas em clips, e Cd´s.  É escritor, autor do livro  O menino incendiário, reúne uma seleção especial de 60 textos que retratam experiências, fragmentos e nuances de lembranças e fantasias de um menino nascido na cidade  maranhense de  Lima Campos e da necessidade de reconstruir um pouco da vida e do mundo à sua volta, numa perspectiva poética,  em forma de um pequeno tratado da infância, da adolescência e dos vislumbres da juventude.

"Essa justiça falha Fere à mão armada Surda, muda, comprada Rouba a quem trabalha…" PASSEIO MORIÁ (Letra: Lorde Bayma. Música: Lorde Bayma, Set Rodrix & Jerê Moreira). Voz: Lorde Bayma. Cajón: Jotabê Bayma. Violão: Set Rodrix.

Posted by Carlos de Bayma on Tuesday, July 18, 2017

 

https://www.facebook.com/niloalves.alves/videos/3646558765363335